Ensino Fundamental I

Temos uma identidade, um jeito de ser afetuoso, em consonância com a faixa etária atendida. Atuamos com alunos do Ensino Fundamental I e II e, como crianças/ adolescentes têm o direito de exercitar o seu lado lúdico e imaginativo, ferramenta necessária para a formação de uma personalidade adulta segura e equilibrada.

Possibilitar que a criança se expresse é também fazê-la pensar, sentir e fazer. Esse trabalho é indispensável porque integra a atividade intelectual e as relações afetivas da criança, organizando suas experiências de vida. Lendo e escrevendo vai conquistando o saber ler e o saber escrever, inicialmente através das suas próprias hipóteses.

Além da leitura e escrita, entendemos que todas as linguagens exigem o mesmo cuidado: estímulo à espontaneidade, percepção dos elementos e da inter-relação entre eles, além de estimular a capacidade de decisão e empenho, pois orientamos os alunos no sentido de desenvolver uma disciplina de estudo e responsabilidade com suas tarefas.

Trabalhamos com projetos de trabalho interdisciplinares desenvolvidos pela coordenação pedagógica em consonância com os PCNs, Parâmetros Curriculares Nacionais, editados pelo MEC. Investimos também em projetos de literatura integrados, que estimulam as crianças com muitas atividades, experiências, músicas, filmes e pesquisas; além de torneios periódicos para instigar o gosto pelo estudo e dar complemento aos conteúdos propostos em sala de aula.
Priorizamos a qualidade e não a quantidade de atividades, possibilitando a criação do professor na ampliação do conteúdo. Ele não é um fim em si mesmo, as atividades favorecem novas formações de conceitos.

No Ensino Fundamental I, o aprendizado é marcado pela afetividade e pelo estímulo à autonomia, à expressividade e à autoestima, dando continuidade, de forma natural, ao trabalho realizado na Educação Infantil. O ensino é permeado por aspectos lúdicos, pois os jogos e as histórias fazem parte do imaginário infantil e, por isso, ampliam o processo de construção do conhecimento. A arte e a pesquisa também cumprem papel fundamental neste nível de ensino.

Esses quatro eixos permitem a aquisição dos códigos de linguagens, o desenvolvimento do raciocínio lógico e crítico, da criatividade, da sensibilidade estética, da expressão corporal e da percepção e análise dos fenômenos ocorridos diariamente. Na ESCOLA INTEGRAÇÃO, os conteúdos são trabalhados em suas interações com a realidade, fazendo com que o estudante perceba que a escola não é um mundo à parte: os conhecimentos contemplados podem e devem ser aplicados no dia a dia.